O que me mantém...

"O que me mantém vivo
é o risco iminente da paixão
e seus coadjuvantes, amor,
ódio, gozo, misericórdia."
[Rubem Fonseca]

"O que não escrevi, calou-me.
O que não fiz, partiu-me.
O que não senti, doeu-se.
O que não vivi, morreu-se.
O que adiei, adeus-se."
[Affonso Romano de Sant'Anna]

2 comentários:

disse...

Adoooro Rubem Fonseca!
Obrigado pela visita no blog!
Bjs

Pedra do Sertão disse...

Duas escolhas de primeira!

Abraço e apareça no Pedra do Sertão...

Postar um comentário